6 de dezembro de 2019 0 Comments Brand Experience, Dicas de Estilo, LifeStyle

Vinhos e moda masculina


Vinhos e moda masculina, um casamento improvável, mas perfeito.Conversamos com o sommelier Flávio Ghirotti sobre essa relação inusitada.

Por Sylvain Justum

É possível traçar um paralelo entre moda e vinhos? A associação parece esdrúxula, mas você pode se surpreender com o resultado. Para realizar o exercício, convidamos Flávio Arouche Ghirotti, sommelier da importadora Mistral, verdadeira enciclopédia ambulante sobre o assunto.

“Primeiramente, temos no mundo do vinho, assim como no da moda, os clássicos atemporais, que nunca morrem”, compara. Assim como no seu armário não pode faltar uma bela camisa branca, um costume azul marinho ou uma jaqueta de couro preta, alguns rótulos não devem ficar de fora da sua adega. Para falar dos clássicos etílicos, pode-se pensar em países que são tradicionais produtores de vinhos, como França ou Espanha. “Borgonha ou Bordeaux são pólos históricos franceses, enquanto os espanhóis têm Rioja ou Ribera Del Duero”, explica Ghirotti. Os grandes vinhos dessas regiões são vinhos atemporais, que resistem ao tempo e envelhecem muito bem. Mas há também a Itália, que tanto inspira a moda masculina, país com fortes vínculos com o Brasil. “Os italianos foram os primeiros a vir para o Sul do Brasil cultivar as uvas”, conta. “Até hoje o vinho brasileiro tem em seu DNA traços italianos.”

Às vésperas do verão e dos dias ensolarados, você já deve ter separado a sua camisa e a sua bermuda de linho para se refrescar. Existe também um estilo de vinhos especialmente destinado aos dias mais quentes e que serve de acompanhamento ideal para a sua produção. “Nesta época, procuramos vinhos que exalem leveza e descontração, mas, acima de tudo, frescor. Nada mais propício do que os brancos e rosês, que combinam perfeitamente com a nossa gastronomia”, explica o sommelier. Um bom exemplo de drink refrescante preparado com vinho branco é o Clericot. Numa jarra, acrescente frutas da estação, bastante gelo, água com gás, soda ou tônica e complete com um licor à base de laranja para dar um toque final. Voilà! E se você quer saber qual será o drink do verão este ano, anote aí a dica do Flavio Ghirotti: “Eu aposto no porto Tônica, sensação na Europa e que é preparado com uma parte de vinho do Porto branco, três partes de água tônica, gelo, rodelas de limão e folhas de hortelã”. Saúde!


Share: